Pedro Trucão assume as madrugadas da Transamérica

Pedro Trucão - Foto: Pietralcantara/Wiki

Por Marcos Lauro

O radialista e ex-repórter do clássico programa Siga Bem Caminhoneiro, que fez história no SBT, Pedro Trucão, é a novidade da rádio Transamérica. A voz conhecida dos caminhoneiros de todo o país entra no ar no dia 1º de agosto.

Pedro da Silva Lopes tem 65 anos e um extenso currículo como comunicador. Sua atração mais recente no rádio foi o programa Fazendo Rastros Pelo Brasil, que ia ao ar em dois horários pela Rádio Capital. Trucão já passou também pelas rádios Tropical, Globo e Tupi AM, entre outras.

Na Transamérica, Trucão entra no ar pelas redes Pop e Hits das 4h às 6h da manhã. O clima deve ser muito parecido com o que o radialista faz atualmente: muito bate-papo e a situação das estradas pelo Brasil. Trucão já soma mais de 40 anos de serviços prestados na comunicação.

A Transamérica Pop passa por transformações. Algumas, mais sutis, já podem ser ouvidas no ar – hoje, os locutores estão apenas anunciando e desanunciando músicas, de forma sóbria e menos afetada do que numa rádio jovem comum. Um sinal de “adultização” da Transamérica Pop.

Ratinho realiza sonho e compra a frequência dos 92,9Mhz em São Paulo

Por Rodney Brocanelli

Carlos Massa, mais conhecido como Ratinho,  finalmente conseguiu realizar seu sonho e comprou a frequência dos 92,9Mhz, em São Paulo. A informação foi confirmada pelo portal Tudo Rádio e pelo jornalista Flávio Ricco.  Ainda não há uma previsão para  a  estreia da Massa FM. A Feliz FM, que ocupou a faixa por aproximadamente dois anos, em forma de arrendamento, vai sair do ar, talvez de forma provisória. Algo para o qual pouca gente se atentou é que o Grupo Estado, até o começo essa semana dono dos 92,9Mhz se desfaz de uma concessão que já teve um passado glorioso. Quem lembra aí da Eldorado FM ou Estadão FM?

Nunca foi segredo para ninguém que Ratinho desejava ter uma emissora na cidade de São Paulo. A rede da Massa FM já conta com aproximadamente 30 emissoras. A intenção do empresário é transferir para a capital paulista a cabeça de rede. No entanto, não existem outros detalhes sobre formação de equipe e nem mesmo se o programa de Paulo Lopes, veiculado na filial de Londrina (PR), poderá ser veiculado para os público paulista. O que se sabe é que emissoras do formato popular/hits como Band FM, Nativa, Top FM, entre outras ganharão uma concorrente de peso.

As notícias sobre a compra dos 92,9Mhz por Ratinho passaram a ganhar força em setembro de 2018, quando ele falou abertamente sobre seu interesse. “Quero a Estadão, porque em documentação é perfeita, mas se for muito cara eu não posso comprar”, disse ele em conversa com jornalistas em setembro de 2018 e publicada pelo portal UOL (leia mais aqui).

Em abril desse ano, surgiram rumores de que Ratinho estaria comprando outra rádio, a Musical FM, que opera em 105,7Mhz, em São Paulo. Esse interesse foi prontamente desmentido em reportagem publicada pelo Tudo Rádio (clique mais aqui). Até houve o interesse. O empresário é apontado como sendo amigo de um dos proprietários da Musical FM, mas as conversas não avançaram.

No começo de maio, uma nota publicada no blog de Amaury Jr. passou meio que batida, mas trazia importantes revelações (leia mais aqui): “Sócio do Spybat, sistema de monitoramento de fonogramas que rastreia qualquer música tocada no país, o apresentador Ratinho ensaia anunciar nos próximos dias a compra de uma rádio paulistana. ‘Meu sonho é ter uma rádio em São Paulo’, disse ao blog. “Só não posso falar ainda, porque a rádio está no ar e o contrato não está assinado'”. Pelo tom das declarações de Ratinho, as negociações com o Grupo Estado haviam avançado.

A coisa começou a esquentar a no início do mês de junho quando o pastor Juanribe Pagliarin, da Comunidade Paz e Vida, detonou uma campanha de arrecadação de fundos para a compra da frequência dos 92,9Mhz, ocupada até agora pela igreja. O grande problema é que em uma de suas manifestações ao microfone da emissora, ele mencionou como possível substituta uma certa Linguiça FM (saiba mais aqui).

O caso da Linguiça, alias, nem merece muito mais  linhas. Uma agência de comunicação aproveitou de todo esse burburinho para enganar os verdadeiros ouvintes de rádio para vender um produto. Isso mesmo. Um produto (saiba mais aqui).

Mesmo com o aparecimento da Linguiça, até por tudo o que foi publicado, o nome da Massa FM seguia forte como a emissora que poderia entrar nos 92,9Mhz. O próprio Ratinho tentava despistar, como na resposta a uma seguidora dele no Instagram que o questionou sobre o fim da Feliz FM (veja aqui)

Passado esse desvio de foco, Juaribe seguiu com sua campanha. Ele teria até o último início de semana para exercer a opção de compra da emissora, caso aparecesse algum outro interessado. A arrecadação ficou em torno dos R$ 4 milhões. Ele precisava de pelo menos R$ 10 milhões. Como não conseguiu, o caminho ficou livre para Ratinho.  Ainda não existem informações sobre como será o processo de transição Feliz-Massa.

Sobre o futuro da Comunidade Paz e Vida no rádio, existe ao menos uma possibilidade. Segundo, o Tudo Rádio, a igreja poderia assumir a programação da Musical FM (leia mais aqui).  No fim das contas, caso isso se concretize, os fiéis da igreja e fãs da emissora não ficariam orfãos.

 

Ratinho

Daniel Oliveira deixa a Rádio Bandeirantes, de Porto Alegre

Por Rodney Brocanelli

O narrador Daniel Oliveira deixou hoje (25) a Rádio Bandeirantes de Porto Alegre. O anúncio foi feito por ele mesmo em seu perfil no Twitter. Além dele, outros cinco profissionais foram dispensados pela filial gaúcha do Grupo Bandeirantes (leia mais aqui).

No último domingo, Daniel fez a sua última transmissão pela Bandeirantes: a partida entre Argentina x Catar, disputada em Porto Alegre e válida pela Copa América (saiba mais aqui). Essa transmissão foi veiculada em todas as emissoras do Grupo Bandeirantes, incluindo as matrizes paulistanas (Bandeirantes e Band News).

Com aproximadamente 20 anos de casa, Daniel foi o principal narrador da Bandeirantes, salvo alguns pequenos períodos, transmitindo as partidas importantes e decisivas da dupla Grêmio e Internacional.

Ouça abaixo os gols da vitória da Argentina sobre o Catar pelo placar de 2 a 0, com a narração de Daniel Oliveira.

Ouça abaixo a íntegra do “Toque de Bola”, debate de futebol da hora do almoço na Rádio Bandeirantes AM 640 e FM 94.9. O narrador apresentou o programa em substituição a Alex Bagé, de férias, e contou com as companhias de Cláudio Duarte, César Cidade Dias e Roberto Pauletti nos comentários. Foi o último programa comandado por Daniel na emissora, antes de sua saída.

Daniel OliveiraFoto: divulgação

Memória: a despedida de Jorge Curi da Rádio Globo

Por Rodney Brocanelli

“Para o jogo, fim de papo. Para mim, na Rádio Globo, fim da linha”. Começava assim o discurso de despedida de Jorge Curi na emissora, em 1984. O narrador havia acabado de transmitir a partida entre Vasco x Botafogo, válida pelo campeonato carioca daquele ano. Esse jogo marcava o fim do aviso prévio de Curi.

Em seu relato, ele informou, usando metáforas, que na quinta anterior ao jogo, que foi demitido por dois diretores Paulo Cesar Ferreira e Jorge Guilherme. No entanto, a dupla pediu para que ele fizesse dois jogos: Campo Grande x Flamengo e o já citado acima. “Desocupo o lugar para dois nobres companheiros Washington Rodrigues e José Carlos Araújo”. Ambos estreariam na Globo na semana seguinte, egressos da Rádio Nacional.

“Jorge Amado escreveu Tocaia Grande e Jorge Guilherme escreveu A Grande Tocaia. Fui Tocaiado”, disse Curi. Em seguida, ele agradeceu aos anunciantes da Rádio Globo na ocasião, e aos companheiros, encerrando a transmissão. Mesmo assim, o registro segue com o narrador desabafando: “Fui mandado embora. Eu vou procurar onde trabalhar. Eu vou renascer das cinzas, não sei em qual (emissora). E se soubesse também, não diria por uma questão de ética. Eu sou um profundo respeitador da ética”. Depois, o narrador faz uma homenagem ao Vasco. Quando saiu da Rádio Nacional, em 1972, o último jogo que narrou foi um Vasco x Fluminense e o último gol que narrou pela emissora foi marcado por Suingue, do Vasco. 18 anos depois, na sua despedida da Globo, o último gol narrado por ele foi feito também por um atleta vascaíno: Rômulo.

Jorge Curi não ficou muito tempo fora do ar. Já no ano seguinte, 1985, ele foi contratado pela Rádio Tupi.

Será que teremos algum Jorge Curi nessa despedida da Nova Rádio Globo. Fernando Ceylão, um dos candidatos, foi afastado do comando do Café das Seis nesta segunda (24). Saiba mais aqui.

Ouça abaixo a despedida de Curi.

Jorge Curi

Fernando Ceylão é afastado do comando do Café das Seis da Rádio Globo (RJ)

Por Rodney Brocanelli

Fernando Ceylão, um dos apresentadores da edição carioca do Café das Seis, da Rádio Globo, anunciou  neste último domingo (24), em vídeo publicado no Instagram, seu afastamento do programa. Durante o comunicado, ele informou que foi informado da decisão via Whatsapp. A motivação para a dispensa, segundo ele foi um comentário feito na edição da última sexta (21), em que ele pede aos ouvintes orfãos da atração que mandem mensagens para outras emissoras (veja aqui).

Esse caso foi revelado pelo Radioamantes no último sábado (22). No vídeo, Ceylão explicou: ” Um ouvinte mandou uma mensagem falando que ficaria feliz em ouvir o ‘Café das 6’ na Band News e eu brinquei falando: se vocês querem ver a gente em outra rádio, manda mensagem pra rádio e falei as várias rádios que tem. E assim, quem escuta o programa sabe que eu sempre tendo a me sacanear. Eu entendi que eu tava fazendo uma piada com um desempregado que sou eu e não com a Rádio Globo em si. Mas se eles entenderam de outra maneira, como eu disse não cabe a mim julgar, cabe a mim apenas acatar e respeitar a decisão deles”. Veja mais no vídeo abaixo.

Fernando Ceylão foi um dos primeiros apresentadores do Café das Seis, que estreou, com toda a programação da reformulada Rádio Globo em maio de 2017.

Fernando Ceylão

 

 

Profissionais da Rádio Bandeirantes, de Porto Alegre, lideram transmissão de partida da Copa América para rede

Por Rodney Brocanelli

Neste domingo (23), profissionais da Rádio Bandeirantes, de Porto Alegre, lideraram uma jornada esportiva para toda a rede do grupo. Argentina x Catar, partida válida pela Copa América, disputada na capital gaúcha, teve a narração de Daniel Oliveira, comentários de Cláudio Duarte e reportagens de Sérgio Boaz.

É a terceira vez que profissionais da filial porto-alegrense da Rádio Bandeirantes participam de coberturas futebolísticas importantes do grupo. Na Copa de 2014, o mesmo Daniel Oliveira narrou a partida entre Holanda x Austrália, com os comentários de Luis Carlos Reche (veja mais aqui). Quatro anos depois, na Copa da Rússia, foi a vez de Marco Antônio Pereira e o mesmo Claudio Duarte serem convocados para a transmissão de Uruguai x Arábia Saudita (veja mais aqui).

Vale destacar que Sérgio Boaz é presença constante na cobertura do Grupo Bandeirantes desta Copa América, atuando como repórter nas partidas de Porto Alegre. Repórteres locais estão participando de forma ativa das transmissões, como por exemplo, Dimara Oliveira, de Belo Horizonte e Luís Filipe Veloso, em Salvador.

Ouça abaixo, os gols da vitória argentina pelo placar de 2 a 0 com a narração de Daniel Oliveira. Colaboração de Edu Cesar.

Sergio Boaz e Daniel OliveiraFoto: Divulgação

Em ritmo de contagem regressiva, programa informa paradeiro de padre Marcelo e dicas de outras emissoras

Por Rodney Brocanelli

A equipe do programa Café das Seis, da Rádio Globo (RJ) está em ritmo de contagem regressiva para o fim da atração, que sairá do ar como quase toda a programação. Essa perspectiva talvez faça com que seus apresentadores sejam bastante transparentes com seus ouvintes. Vamos destacar dois momentos, com a ajuda do perfil /televinhetas do YouTube.

No dia 11 de junho, Fernando Ceylão, Carolina Morand e Renato Cantharino explicaram a situação da emissora aos ouvintes e até informaram no ar o paradeiro do padre Marcelo Rossi, que se transferiu para a Rádio Capital. Ouça abaixo.

No dia 21 de junho, Ceylão, respondendo mensagens da audiência, sugeriu outras opções de rádios para quem se sentir órfão com a extinção do programa. Ouça abaixo.

Globo