Transamérica convoca torcidas a se unirem por um mesmo time, o da paz

Em nome da boa convivência e pelo fim da violência no futebol, a Rádio Transamérica, líder de audiência no segmento esportivo, convoca todas as torcidas brasileiras a se unirem por um mesmo time, o da paz. O apelo virou campanha, que chega a sua segunda edição, e ganhou o nome de “Time da Paz”. O desenvolvimento das peças ficou por conta da YouCreate Colaborativa, primeira agência colaborativa do País e que assumiu a conta da emissora recentemente.

A publicidade levanta a bandeira da tranquilidade nos estádios e ruas do País e traz as assinaturas “Quem respeita o rival fica com a bola toda” e “Quem torce com inteligência, não tabela com a violência”. A campanha terá veiculação na mídia impressa, online e forte divulgação durante a programação da Rádio Transamérica. Nos spots, grandes nomes do esporte e do entretenimento dão recados às torcidas incentivando a boa convivência, deixando a rivalidade apenas no campo.

“Queremos conscientizar nossos ouvintes a apreciarem os grandes jogos e respeitarem as diferenças dentro e fora dos estádios. É um trabalho para resgatar a arte do futebol e o clima de alegria, emoção e respeito”, enfatiza o narrador Eder Luiz, responsável pelo departamento de Esportes da Transamérica.

9110_Peca12023_AnuncioSouDaPaz_A4_V2-1

Anúncios

Ouça os gols do final de semana

Por Rodney Brocanelli

No clássico paulista do Morumbi, o São Paulo venceu o Santos pelo placar de 1 a 0, gol de Diego Souza. Ouça a narração de Ulisses Costa, da Rádio Bandeirantes.

Na Arena Pernambuco, Sport e Corinthians empataram pelo placar de 1 a 1. Ouça a narração de Aroldo Costa, da Rádio Jornal.

Ouça também a narração de Murilo Franco, da parceria Rádio Trianon e Premium Esportes.

O Fluminense bateu o Atlético-PR pelo placar de 2 a 0. Ouça a narração de Luiz Penido, da Rádio Globo.

O América-MG venceu o Botafogo no Independência: 1 a 0. Ouça a narração de Ênio Lima, da Rádio Itatiaia.

O Palmeiras venceu o Bahia pelo placar de 3 a 0 e parece que voltou a jogar seu bom futebol dentro do Allianz Parque. Ouça a narração de Oscar Ulisses, da Rádio Globo.

]

No clássico mineiro, deu Atlético-MG. 1 a 0 sobre o Cruzeiro. Ouça a narração de Hugo Sergio, da Rádio Super Notícia.

Já o clássico carioca ficou no empate. Flamengo 1 x 1 Vasco. Ouça a narração de José Carlos Araújo, da Super Rádio Tupi.

Empate no Serra Dourada: Goiás 1 x 1 Guarani. Ouça a narração de Mauricio Camargo, da Rádio Brasil (Campinas)

Ouça também a narração de Ronair Mendes, da Rádio Sagres 730.

Banda B apresenta ex-jogador Lúcio Flávio como novo comentarista

Por Rodney Brocanelli

A Rádio Banda B, de Curitiba, apresentou hoje o novo integrante de sua equipe esportiva. É o ex-jogador Lúcio Flávio. Revelado pelo Paraná Clube, ele passou por diversos clubes do Brasil e do exterior. Sua estreia acontece neste domingo, na transmissão de Paraná x Grêmio. Além das transmissões do futebol, o agora comentarista vai participar também dos programas Balanço Esportivo e Esportes Banda B.

Lúcio Flavio

Ouça o Radioamantes no Ar

Nesta semana, o Radioamantes no Ar falou sobre a audiência do FM no Rio de Janeiro, da campanha da Jovem Pan contra a homofobia, que gerou grande polêmica nas redes sociais, da perda da apresentadora Gleides Xavier e uma lembrança dos 10 anos sem Antonio Carvalho, grande comunicador da Rádio Bandeirantes. O Radioamantes no Ar vai ao ar todas as sextas, sempre a partir das 09h pela web rádio Showtime (http://showtimeradio.com.br). Com Rodney Brocanelli, João Alckmin, Flavio Aschar e Rogério Alcântara.

showtime2

Ouça os gols do meio de semana

Por Rodney Brocanelli

O Corinthians goleou o Deportivo Lara pelo placar de 7 a 2. Ouça a narração de Ulisses Costa, da Rádio Bandeirantes.

O Luverdense venceu o Santos pelo placar de 2 a 1, mas o placar não foi suficiente para reverter a vantagem alvinegra na Copa do Brasil. Ouça a narração de Ricardo Melo, da 105 FM.

No Allianz Parque, o atacante Borja fez um hat trick (ou tripleta, como queiram) e o Palmeiras venceu o Junior Barranquilla pelo placar de 3 a 1. Ouça a narração de Cadu Cortez, da Rádio Capital.

Ouça também a narração de Nilson Cesar, da Rádio Jovem Pan.

No Maracanã, o Flamengo bateu o Emelec pelo placar de 2 a 0. Ouça a narração de Luiz Penido, da Rádio Globo.

Nas cobranças de tiros livres, a Chapecoense venceu o Atlético-MG e avançou na Copa do Brasil. Ouça a narração de Isabelly Morais, da Rádio Inconfidência.

Em Curitiba, o Cruzeiro bateu o Atlético-PR pelo placar de 2 a 1. Ouça a narração de Oswaldo Reis, pela Rádio Super Notícia FM.

Pela Libertadores, o Grêmio venceu mais uma: o Monagas. Placar final 3 a 1, fora de casa. Ouça a narração de Orestes de Andrade, da Rádio Guaíba.

O Botafogo venceu o Fluminense na versão brasileira do “Monday Night Football”: 2 a 1. Ouça a narração de Edson Mauro, da Rádio Globo.

Ainda na segunda à noite, Ceará e América-MG empataram pelo placar de 2 a 2. Ouça a narração de Enio Lima, da Rádio Itatiaia.

Equipe esportiva da 105 FM homenageia Gleides Xavier

10 anos sem Antônio Carvalho

Por Rodney Brocanelli

Antônio Carvalho, grande voz do rádio brasileiro morria em 17 de maio de 2008, aos 62 anos, vitimado por uma leucemia. Ele trabalhou em nas rádios Cultura (de Lavras, sua terra natal) e Jovem Pan, mas foi na Bandeirantes que sua carreira deslanchou, tornando-se conhecido e querido pelos ouvintes da emissora.

Talvez muitos nem lembrem, mas Antonio Caravalho apresentou na TV Bandeirantes a primeira versão televisiva do Brasil Urgente, em 1984. Era uma revista eletrônica que batia de frente com a novela das oito da Globo e ficou pouco tempo no ar. O título seria reaproveitado, anos depois, numa atração do final da tarde que foi comandada por José Luis Datena durante muitos anos.

Antonio Carvalho faz parte daquilo que eu chamo de “minha memória afetiva do rádio”. Sempre quando eu o ouvia no Grande Sampa, relembrava de alguns momentos da minha infância e adolescência. Um deles era ver minha avó passando roupa ou fazendo a janta (era ela quem cozinhava lá em casa) sempre com o radinho ligado na Bandeirantes AM, acompanhando os programas vespertinos comandados por ele.

Ele apresentou durante muitos anos o Ciranda da Cidade, que ia ao ar das 17h as 18h. Depois esteve no comando do Bandeirantes Acontece, das 15h as 17h, que foi um programa criado para José Nello Marques, vindo da Jovem Pan. Porém, quando Nello se transferiu para a Globo, e lá dividiu o microfone com Milton Parron para substituir Afanásio Jazadi, o comando do jornalístico foi passado para Antonio Carvalho. Nessa dança de cadeiras, quem entrou em seu lugar, na Ciranda, foi Nei Costa.

Nos seus últimos anos de vida, Carvalho divulgou bastante os ensinamentos do professor Henrique José de Souza, fundador da Sociedade Brasileira de Eubiose.

Ouça abaixo a homenagem feita pela Rádio Bandeirantes na ocasião da morte de Antonio Carvalho.

Ouça também o depoimento de Zancopé Simões, na ocasião, apresentador do Bandeirantes a Caminho do Sol.

Antonio Carvalho

%d blogueiros gostam disto: