Início > Uncategorized > Programa Gasparini Filho completa 28 anos ininterruptos em rádio do interior paulista

Programa Gasparini Filho completa 28 anos ininterruptos em rádio do interior paulista

Uma das atrações mais longevas do rádio do interior do Estado de São Paulo, o Programa Gasparini Filho completa 28 anos de existência no dia 16 de novembro. Transmitido pela primeira vez em 16 de novembro de 1987, pela FM 90 (então rádio Pioneira), de Salto/SP – na qual permanece até hoje –, o programa é comandado pelo próprio Gasparini Filho e vai ao ar de segunda a sexta-feira, das 6h30 à 8h, sempre ao vivo.

Além de apresentador, Gasparini – de 71 anos de idade – é também o idealizador do programa. Radialista formado pela Faculdade Anhembi-Morumbi, bancário aposentado e bacharel em Direito, ele tem passagens pelas rádios Convenção, de Itu, e Porto-felicense, de Porto Feliz. Mas foi com seu projeto na FM 90 que decolou de vez para o sucesso no microfone.

Com exceção de operar a mesa de áudio durante o programa (função exercida desde o início por Claudinho Nascimento), o radialista cuida de todos os detalhes da atração matinal. É ele quem vende as propagandas, faz o roteiro musical, escolhe e convida entrevistados e produz os mais diversos quadros.

No ar, a criatividade e o improviso são as marcas registradas do programa. Todos os anúncios publicitários, por exemplo, são feitos de maneira testemunhal. Gasparini tem uma ficha com dados básicos do anunciante – como endereço, telefone e eventuais ofertas –, mas, por conhecer bem e estar em contato permanente com cada um deles, faz a propaganda de improviso, o que torna que cada peça publicitária seja única. Um cuidado tomado por ele é de não ter anunciantes concorrentes entre si na atração, o que faz com que haja uma espécie de fila de interessados em anunciar. Alguns patrocinadores colocam sua marca no programa há mais de 20 anos – um deles, desde a primeira edição.

Entre uma música sertaneja e outra, a prestação de serviços toma conta da maior parte da atração. A condição do tempo nas primeiras horas da manhã, a hora certa (acompanhada do bordão: “olha a aula”), curiosidades, efemérides, entrevistas, notícias, achados e perdidos, mercado de trabalho, resultados de loterias e notas de falecimento permeiam o programa.

Escritor e trovador, Gasparini usa sua familiaridade com as palavras para transmitir mensagens, várias vezes improvisando com base nas letras das músicas que servem de fundo musical. São comuns os pedidos de ouvintes por anúncios de aniversários, bodas ou nascimentos. O locutor é autor do livro “Nossos momentos” – que reúne trovas, poesias e reflexões –, membro fundador da Academia Saltense de Letras e participante da União Brasileira de Trovadores.

Numa cidade com aproximadamente 100 mil habitantes e apenas uma emissora comercial na faixa FM, uma atração radiofônica de quase três décadas de existência torna-se quase uma instituição. Ouvir as informações que são levadas ao ar logo pela manhã faz parte da rotina de milhares de saltenses que se preparam para mais um dia. O “programa do Gasparini”, como é conhecido, tornou-se ao longo do tempo referência para quem deseja anunciar que perdeu (ou encontrou) um documento ou animal de estimação ou para saber quais os falecimentos ocorridos na cidade, por exemplo.

‘Parceria’ com Jair Rodrigues

Outras marcas da atração são a música e os bordões utilizados na abertura e no encerramento da atração. “A majestade, o sabiá”, de Roberta Miranda (interpretada por Chitãozinho e Xororó e Jair Rodrigues) é a canção que abre e fecha o programa todos os dias – já são mais de 7,3 mil edições.

A música virou uma espécie de slogan do comunicador e fez com que ele se aproximasse do próprio Jair Rodrigues, que visitou o estúdio e fez entradas ao vivo, por telefone, em algumas oportunidades. Em 2012, pouco mais de um ano antes de morrer, o cantor fez uma homenagem surpresa a Gasparini durante um show em praça pública na cidade de Salto. Ele chamou o radialista ao palco e entregou um troféu alusivo aos então 25 anos do programa. Os dois fizeram uma dobradinha ao vivo no microfone e Gasparini anunciou que Jair cantaria “A majestade, o sabiá”.

É com esta música ao fundo que, no estúdio, o locutor solta diariamente dois de seus bordões mais famosos. A atração começa com “alô, amigos, com muito carinho, bom dia!” e, invariavelmente, termina com “amigos não se despedem; Gasparini Filho diz, simplesmente, um abraço e bom dia”.

As vinhetas de abertura e encerramento estão na voz de Antonio Carvalho, falecido locutor que marcou época na rádio Bandeirantes.

Sobre a rádio
A FM 90 está no ar desde 1981, opera com 30 mil watts de potência e pode ser sintonizada em 90,9 MHz ou pelo site www.fm90.com.br.

Ouça abaixo trechos do Programa Gasparini Filho

Gasparini Filho

Categorias:Uncategorized
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: