Início > Memória > Memória: Jorge Helal lê texto anunciando saída de Hélio Ribeiro da Rádio Globo

Memória: Jorge Helal lê texto anunciando saída de Hélio Ribeiro da Rádio Globo

Por Rodney Brocanelli

Durante quase todo o ano de 1995, Hélio Ribeiro ocupou um dos horários mais nobres da Rádio Globo (SP): o do meio dia e meia até as 15h. Um pouco antes, Eli Corrêa havia decidido voltar para a Rádio Record. O então coordenador artístico da emissora, Pedro Villela tinha um cartão de visitas deixado pelo comunicador numa visita anterior e decidiu entrar em contato. A negociação não foi fácil, mas as partes chegaram a um acordo.

No entanto, a passagem de Hélio pela Globo não foi o que se pode chamar de um mar de rosas. Segundo Pedro Villela em um texto divulgado há alguns anos, ele despertou a ciumeira de outros comunicadores da casa, em especial o que o antecedia no horário. No entanto, um episódio foi determinante para a saída de Hélio. Um ex-governador de São Paulo e que se elegeu deputado federal por vários mandatos resolveu (figura constante nos debates do programa que antecedia O Poder da Mensagem) visitar Hélio no estúdio. Como escreveu Pedro Villela (leia no link abaixo), Hélio foi ao chão.

A Globo até que deu uma despedida digna à Hélio Ribeiro. Um texto de aproximadamente três minutos foi lido pelo locutor Jorge Helal, na época voz padrão da emissora. Com o passar dos anos, este registro ganhou outra dimensão. Hélio Ribeiro não voltou mais ao rádio depois dessa passagem pela Globo, não ao menos comandando programa diário. Ele morreria em 6 de agosto do ano 2000. Sem imaginar, Helal era porta voz da despedida do veículo à Hélio Ribeiro. Áudio extraído dos arquivos de Johnny Black, que estão disponíveis na Internet. Ouça no player abaixo.

E no link abaixo, é possível ler o texto de Pedro Villela, em que ele fala sobre a passagem meteórica de Hélio Ribeiro pela Rádio Globo.

https://radiobaseurgente.blogspot.com.br/2004/02/aos-milhares-de-fs-do-hlio-ribeiro.html

Anúncios
  1. Ronaldo Crispim
    30/06/2017 às 15:16

    Olá pessoal. Excelente áudio, ótima recordação. Só uma observação: o Eli Correa saiu da Globo já para a Rádio Capital, onde estreou em 09/01/1995, na sua primeira passagem. Quanto ao Sérgio Cursino, ele havia sido voz padrão da Rádio Globo antes do Jorge Helal. Ele (Cursino), estava fazendo um programa aos domingos, quando faleceu um outro comunicador: Ênio Barbosa, que então comandava o horário das 15 às 18. Foi então que SC assumiu o horário, onde ficou até a saída de Hélio Ribeiro, quando, conforme a mesma chamada informa, passou a apresentar o seu programa do meio dia e meia até às 15.
    Após a sua saída da Rádio Globo, foi para a Rádio Capital, de onde sairia quando Paulo Lopes foi contratado.

    Curtir

  2. JANE TADEU DA SILVA
    03/07/2017 às 22:14

    Hélio Ribeiro da Radio Bandeirantes eu conheci muito, morando no interior de SP, era o que mais ouvia nos programas de rádio, sem falar no futebol com o Fiori Gigliotti, Mauro Pinheiro, Ligeirinho, Flávio Araújo, Flávio Adauto, Eli Coimbra, China, Solera, Duarte, Jose Paulo de Andrade, e outros, como era gostoso vê-lo colocar as músicas estrangeiras e a traduzi-la no pé da letra, fora as mensagens declamadas que ele fazia, que saudade daquela era, mas agora virou muita política o tema dos rádios, não tem mais Barros de Alencar, Jerônimo Herói do Sertão, Paulo Barbosa, Eli Corrêa, e outros. Mas valeu participar dos momentos do Hélio Ribeiro no Radio, agora eu curto muito o MILTON NEVES E SUA EQUIPE de Esportes citando o Grande ZAIDAN todos santistas como eu.

    Curtir

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: