Vera Magalhães deixa Jovem Pan com direito a duas despedidas

Por Rodney Brocanelli

Hoje aconteceu a despedida oficial de Vera Magalhães da Rádio Jovem Pan. A jornalista vai assumir o comando do Roda Viva, tradicional programa de entrevistas da TV Cultura. Ela vai substituir Daniela Lima, que está se transferindo para a CNN Brasil.

Vera teve a chance de se despedir nos dois programas de que participa da Jovem Pan. Durante o Jornal da Manhã, disse que foram três anos “nesse jornal que eu cresci ouvindo, indo para a escola atrasada”. Acrescentou que o “repita” fez parte de sua vida desde sempre. “Foi um privilégio”, afirmou.

Já no 3 em 1, ouviu mensagens carinhosas de despedida dos colegas de bancada. O apresentador Vitor Brown disse que Vera é uma das grandes jornalísticas políticas da atualidade. “É completa”, declarou. Josias de Souza, sempre circunspecto, não conseguiu conter a emoção e passou a bola para Rodrigo Constantino. “Nós tivemos nossos embates calorosos, mas sempre tive muito respeito pelo trabalho da Vera”, disse Rodrigo. Recuperado, Josias conseguiu retomar a palavra: “Lamento que não vá  desfrutar mais desse convivo diário com sua inteligência, com a sua competência, com a sua vivacidade”.

Em seguida, também emocionada, Vera disse que fez questão de ter a presença no estúdio do jornalista Patrick Santos, um dos primeiros apresentadores do 3 em 1, e que a levou para a emissora. “Assim como entrei com ele, quero sair com ele”, afirmou.

A jornalista falou sobre a experiência de fazer rádio: “Nunca esperei fazer rádio. Nunca esperei gostar tanto de fazer rádio (…) É uma paixão que eu levo. E que acho que vai permanecer”. Vera se colocou à disposição para participar dos podcasts da emissora e de programas como o Morning Show.

Vera também disse que o nome do programa, 3 em 1, foi dado por ela e ele saiu em uma sessão de brainstorm (em resumo, trata-se de uma técnica em que é possível externar várias ideias a respeito de um tema, sem a possibilidade de críticas, para depois avaliar e selecionar as melhores).

Ela seguirá como colunista do jornal O Estado de S.Paulo.

Veja abaixo as despedidas de Vera Magalhães.

Vera Magalhães

Radioamantes no Ar entrevista Anderson Cheni

Nesta semana, o Radioamantes no Ar entrevistou Anderson Cheni, responsável pelo blog Cheni no Campo, que traz informações de bastidores sobre rádio e tv. Ele falou sobre a atual sitação de José Silvério na Rádio Bandeirantes. Segundo Cheni, o narrador esportivo estaria na geladeira. Outros temas: a atual movimentação do rádio popular com mudanças envolvendo a Rádio Capital e a alterações do Troféu Aceesp. O Radioamantes no Ar é veiculado todas as sextas, sempre a partir das 09h pela web rádio Showtime.

(http://showtimeradio.com.br). Com Rodney Brocanelli, João Alckmin e Rogério Alcântara.

Radioamantes no Ar bate um papo com Edu Cesar, do @papodebola

O Radioamantes no Ar teve nesta edição um convidado muito especial: Edu Cesar, editor do site Papo de Bola. Foi um bate-papo muito agradável sobre rádio esportivo em geral. Alguns temas: a contratação de Marco Antônio Pereira pela Rádio Bandeirantes, de Porto Alegre, e o histórico da emissora em contratar profissionais já consagrados (Haroldo de Souza, José Aldo Pinheiro e Paulo Brito) em vez de prestigiar os nomes da casa; as rádios que não vão transmitir da Copa da Rússia neste ano de 2018 devido aos preços salgados dos direitos de transmissão; a nova programação da Rádio Globo, com destaque para as narrações de Alex Escobar. Ainda foi possível falar sobre o afastamento de Joice Hasselmann de Os PIngos nos Is e da volta de José Paulo de Andrade ao microfone da Rádio Bandeirantes (SP) e o programa ainda informou sobre a demissão de Oswaldo de Oliveira do comando técnico do Atlético-MG. O Radioamantes no Ar é veiculado todas as sextas, sempre a partir das 09h, pela web rádio Showtime (http://showtimeradio.com.br). Com Rodney Brocanelli, João Alckmin, Flavio Aschar e Rogério Alcântara.

showtime2

Radioamantes no Ar relembra o programa Balancê

Nesta semana, o Radioamantes no Ar teve um convidado especial. Felipe Martinelli. Ele é autor de um mestrado apresentado na Escola de Comuncações e Artes, da USP, sobre o programa Balancê, apresentado pelas rádios Excelsior e Gazeta, entre os anos de 1980 e 1988. A atração fez muito sucesso no rádio paulistano em sua época. Serviu como uma forma de Osmar Santos, nome principal do departamento de esportes da dobradinha Globo-Excelsior, não se limitar apenas à cobertura esportiva, abordando outros temas, como política e entretenimento.Além de Osmar, os apresentadores do Balancê, em diferentes épocas, foram Juarez Soares e Fausto Silva. Este último, aproveitou bem a chance, e graças a ajuda de Goulart de Andrade, foi para a televisão, passando a comandar o Perdidos na Noite. O Radioamantes no Ar é apresentado todas as sextas, sempre a partir das 09h pela web rádio Showtime (http://showtimeradio.com.br). Com Rodney Brocanelli, João Alckmin, Flavio Aschar e Rogério Alcântara.

Quem desejar ler a tese de Martinelli pode clicar no link:

http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27161/tde-27092017-093957/pt-br.php

Ouça a entrevista no player abaixo

showtime2

No Radioamantes no Ar, um bate papo com Edu Cesar, do @papodebola

Nesta semana, o Radioamantes no Ar trouxe um convidado especial: Edu Cesar, do site Papo de Bola. Ele falou sobre diversos temas palpitantes da mídia esportiva, como a polêmica da não realização do clássico Atlético-PR x Coritiba (ou Atletiba) devido às questões relacionadas à transmissão via You Tube, a situação da Bradesco Esportes FM, que está para encerrar suas atividades e a definição do futuro de Luiz Carlos Reche. O Radioamantes no Ar vai ao ar todas as sextas, sempre a partir das 09h, pela web rádio Showtime (http://showtimeradio.com.br). Com João Alckmin e Flavio Ashcar.

showtime2

Editor do Radioamantes fala à Rádio Progresso, de Ijuí (RS)

Por Rodney Brocanelli

Na última segunda-feira, tive a oportunidade de conceder uma entrevista ao camarada Fabiano Bernardes, dentro do programa Viva Mais, da Rádio Progresso, de Ijuí (RS). Pude falar bastante sobre a minha experiência com o blog Radioamantes, sobre rádio (obviamente) e de três personalidades do rádio esportivo: José Silvério, Osmar Santos e Haroldo de Souza.  De público, quero agradecer pelo espaço. A íntegra da entrevista pode ser ouvida no link abaixo.

[Entrevista – Rodney Brocanelli](https://clyp.it/yyfby3kd)

Ouça também pelo player abaixo.

Rádio Progresso

José Paulo de Andrade e Cláudio Humberto comandam novo programa da Rádio Bandeirantes‏

Na próxima segunda-feira, dia 22, a Rádio Bandeirantes estreia o programa Bastidores do Poder. A nova atração da emissora será apresentada por José Paulo de Andrade, em São Paulo, e por Cláudio Humberto, em Brasília, de segunda a sexta-feira, das 17h30 às 18h30. O programa, que contará com a participação do jornalista Francisco Prado, vai destacar o noticiário político do dia, com análise e repercussão das notícias, entrevistas, espaço para bastidores e informações exclusivas. 

“Apesar de tantos anos de ‘janela’, dá sempre um frio na barriga estrear um desafio como esse, num horário desconhecido para mim. O que me deixa tranquilo é essa ponte São Paulo-Brasília e a interação com um dos jornalistas mais bem informados do país”, conta José Paulo de Andrade, que comemora neste ano 53 anos de Rádio Bandeirantes. “Estou muito animado com a estreia do programa. Será um privilégio trabalhar ao lado do José Paulo de Andrade, um ícone do jornalismo brasileiro. Vamos dar voz aos aflitos e afligir os poderosos”, adianta Claudio Humberto.

A partir de segunda-feira, o Rádio Livre passará a ser transmitido das 14h às 17h30. Já o Na Geral será levado ao ar das 18h30 às 20h.

 

Sobre José Paulo de Andrade

Paulistano, José Paulo de Andrade iniciou a carreira no jornalismo em 1961 como radioescuta da rádio América, chegando à Rádio Bandeirantes dois anos depois. Em 2016 ele completa 53 anos na emissora, onde já atuou como narrador esportivo, apresentador e diretor de jornalismo. José Paulo comanda o programa “O Pulo do Gato”, uma das maiores audiências do rádio brasileiro, desde abril de 1973. A atração é recordista de permanência no ar com suas características: mesma emissora, mesmo horário e mesmo apresentador. Em 1978, passou a apresentar também o “Jornal Gente”. Na TV Bandeirantes, foi âncora dos telejornais Band Cidade e Jornal de São Paulo. Em 2012, o jornalista foi eleito pelo Jornalistas&Cia como um dos ícones do jornalismo brasileiro. 

 

Sobre Claudio Humberto

Alagoano, Claudio Humberto é jornalista há 40 anos. Com passagens em diversos veículos de comunicação, atualmente é diretor de redação do jornal Metro, de Brasília, do Grupo Bandeirantes. Também é apresentador do programa “Band Cidade”, da Band Brasília, e do “Gente Brasília”, na BandNews FM do Distrito Federal. Há 19 anos é editor-chefe do portal Diário do Poder. Sua coluna é reproduzida em 42 jornais de 25 estados brasileiros. É autor dos livros “Mil Dias de Solidão” – que retrata os bastidores do governo Fernando Collor, do qual foi porta-voz – e “Poder Sem Pudor”, de histórias do folclore político brasileiro.

Saiba mais sobre a Rádio Bandeirantes em www.radiobandeirantes.com.br e siga a emissora nas redes sociais: https://twitter.com/RBandeiranteshttps://www.facebook.com/radiobandeirantes

Comentário: Está aí a reação do Grupo Bandeirantes ao programa Pingos nos Is, sucesso da Rádio Jovem Pan, apresentado por Reinaldo Azevedo (Rodney Brocanelli).

 

jpachumb